15.10.13

10 - Nós vamos superar tudo juntos


  - Joseph, nós.. Nós.. - Demi mal pode terminar a frase, afinal, o que ela diria? Tudo que eles precisavam era conversar sobre como ficariam, pois Demi o queria mais que tudo e perder Joe estava fora de cogitação. Ela não poderia, não mais, fazer o planejado. Demi queria o encurralar contra a parede e bombardeá-lo com acusações e perguntas que nem ela mesma sabia de onde surgiria.. Também, foi culpa de Joe, ele tinha deixado-a intrigada com aquela história de namora-la em segredo e Demi queria saber o porquê, alias, eles já namoraram com a supervisão do mundo. 

  - Ei, vem cá - Ele a puxou para seus braços. Demi mais parecia uma fera pronta para ataca-lo, porém Joe não temia o ataque da garota enfurecida, pois ela não estaria naquele estado de espirito à toa. Joe sabia que sua pequena sempre fora tão vulnerável e ele sentia-se como se a culpa fosse dele, mesmo querendo protege-la com sua vida. 
  
- Eu não quero que você fique brava comigo. - Ele abraçou-a mesmo sem ela o corresponder. Tudo bem, Demi estava mais que brava. - Demi, nós não podemos apressar as coisas. - Joe rompeu o abraço e ficou a fita-la. Demi parecia frustada e chateada, as coisas não estavam indo no rumo que ela desejava, pelo contrário, estava sendo bem diferente, mas não um diferente ruim, apenas confuso. - Não deve ter vinte e quatro horas que estamos juntos - Disse Joe com uma calma que surpreendera Demi. Hum.. Ele estava diferente. 

  - E já fizermos amor duas vezes - Disse Demi fazendo careta. Joe sorriu e roubou um selinho dos lábios dela. Demi arrependera-se de precipitar as coisas, talvez Joe estivesse razão, porém ela teria que ter um plano B. Nunca se sabe qual é a próxima etapa de seu destino, Demi era a prova viva, pois ela nunca imaginou que um dia iria para reabilitação e do dia para noite ela ficou internada por quase quatro meses..  

  - Sim, nós fizemos - Sussurrou Joe enquanto aproveitara para beijar o rosto de Demi. - Mas nesta manhã você foi perfeita - Disse ele beijando o maxilar de Demi. Droga! Ela sentira o rosto queimar de vergonha.

  - Viu? - Demi desfez dos toques de Joe e se afastou dele. - Tudo acaba em sexo - Disse ela emburrada. 

  - Demetria, nós vamos conversar! Eu não posso te beijar? - Perguntou Joe irritado. Ok, não estava saindo como o planejado. Demi estava agindo por impulso ou talvez não, como toda garota, ela esperava mais de Joe.. Pelo menos um pedido de namoro.. 

  - Sim, você pode me beijar - Disse a garota cabisbaixo. Demi pensara direito, seria melhor  baixar a guarda, alias ela não queria perde-lo de forma alguma e continuar agindo daquela forma era o caminho para o precipício. 

Joe aproximou-se de Demi e acariciou o rosto da garota. Assim que fechara os olhos, Demi pode sentir os lábios dele juntos aos seus selando um beijo carinhoso e apaixonado. Joe aproveitara para acariciar o corpo de Demi.. Ele queria senti-la de todas as formas possíveis, Demi não fazia ideia do que ele tinha passado nesses últimos quatros meses. 

   - Demi - Ofegou Joe nos lábios dela - Você não faz ideia do tanto que eu te amo - Sussurrou Joe com toda a sinceridade que suas palavras podiam demonstrar. Guiando a mão esquerda de Demetria ao seu peito esquerdo, Demi sentira o coração do garoto acelerar a cada segundo que se passava. Oh Demi, ele é seu, apenas seu. 

  - Meu coração bate por você Demi, apenas por você - Joe fechara os olhos e falava com o coração, ela precisava saber que ele pertencia a ela e vice versa. Demi sorriu e beijou os lábios de Joe e logo o abraçou agarrando o corpo dele com toda a força possível. Ele também a abraçara e ficara a sentir o leve aroma da pele, que ele tanto amava, de Demetria. 

   -  Eu também te amo - Demi fitara os olhos castanhos de Joe e logo o beijara. Senti-lo era como se toda a infelicidade de ser ser fosse banida e a única coisa que Demi pudera sentir era a felicidade que Joe lhe proporcionava. Ele era tão carinhoso, tão genuíno ao toca-la. 

Joe correspondia o olhar apaixonado da garota sem hesitar, ela estava ali depois de tudo. Colando seu corpo ao dela, Joe pôs as mechas loiras que caiam sobre o tronco de Demi para traz, fazendo com que estas ficassem espalhadas pelas costas de Demi, então ele acariciou o rosto da garota e um pequeno sorriso brotou nos lábios dela; Demi entrelaçou a nuca de Joe com seus braços acabando com toda distância que seu corpo tinha do dele e logo fechou os olhos. Joe sorriu ao vê-la pronta e tocou seus lábios aos dela. Demi sorriu e logo eles selaram um beijo apaixonado que apenas foi interrompido pela necessidade de respirar. 

  - Quarto - Sussurrou Joe enquanto distribuía beijos pelo maxilar de Demi, que, por sua vez, apenas sorriu assentindo o pedido de Joe. Abraçando-a por traz e distribuindo beijos pelo pescoço de Demi, Joe conseguiu leva-la para o quarto. Os dois sorriam entre as caricias ousadas.. 

Fechando a porta do quarto bruscamente, Joe imprensou Demi contra a mesma e fitou os olhos da garota.

  - Eu estou louco para te amar - Sussurrou Joe nos lábios da menina. - Definitivamente louco por você Demi - As palavras de Joe pareciam que o machucava profundamente. Ele estava louco de amores por ela. 

Demi o calou com um beijo calmo desarmando Joe inteiramente. O garoto relaxou nos braços de Demi lembrando-se que as coisas funcionavam melhor no ritmo dela. Demi era amorosa e nunca agia com desespero. Quando eles se amavam da forma dela, Joe se sentia como um garoto impaciente que recebia o amor de sua primeira amada.

Aos pouco Joe foi se entregando ao ritmo de Demi. Ela era maravilhosa e, ao menos tempo que era o veneno, Demi também era a cura de Joe. 

Guiando-a de frente a cama, Joe continuou a beija-la enquanto suas mãos trabalhavam com fins de desabotoar os botões da camisa branca que Demi vestia. Deslizando a camisa pelos ombros de Demi, Joe posicionou às mãos na altura das costelas dela e começou a distribuir beijos pelo tórax e logo para os seios ainda cobertos pelo sutiã preto rendado. A pele alva entrara em contraste com o sutiã preto fazendo com que Joe voltasse toda sua atenção apenas para aquela região. 

Descobrindo o seio direito de Demetria, Joe o apertou com força e logo depositou seus lábios no mamilo rígido. Demi amava aquela sensação de poder amar Joe, era incrível as sensações que os toques dele proporcionavam-lhe. Era tão bom que parecia inacreditável. 

O rapaz logo cobriu o seio de Demetria e voltou a beija-la nos lábios. Demi o abraçou e pode senti-lo duro contra sua perna. Os planos da garota foram destruídos pelo senhor eu te amo. Porra, não era para estar ali prestes a transar com Joe! Onde estava aquela Demetria determinada a ser forte e resistir os encantos dele? Pois é, ela foi tomada por ele.  [...]

Totalmente despidos, Joe deitou-se na cama com as costas apoiadas na cabeceira e entregou o preservativo para Demi. A garota agarrou a ereção do rapaz e logo deslizou a camisinha pelo membro de Joe. Demi sentiu-se arrepiar assim que o montou.

Joe mordeu o lábio inferior de Demi e posicionou suas mãos no traseiro da mesma ajudando-a se movimentar. Ele a subia e logo a descia viciando-a num ritmo prazeroso. Demi não contia os gemidos, nem mesmo depois que ela repousou o cabeça no ombro de Joe os gemidos cessaram. Ele estava levando-a ao céu a cada estocada, Demi fechara os olhos e ficou a mordiscar o pescoço de Joe enquanto ele dava leves tapas e apertava a região de sua bunda.  

Procurando os lábios da garota, Joe os beijou com selinhos com fins de abafar os gritos e gemidos de Demi, ela parecia que iria entrar em combustão de tanto prazer. Acelerando os movimentos, Joe apreciava as belas curvas do corpo de Demi com suas mãos enquanto trocava um beijo apaixonado com a garota.

Demi sentira todo o corpo molhar de suor e aquela velha sensação começara a invadi-la. Joe abraçou-a e bastou uma última estocada para Demi gritar o nome de Joe, e ambos chegaram ao clímax juntos. 

  - Oh minha pequena - Joe acariciou os cabelos de Demi e logo a sustentou para beija-la. Demi ainda sentira o corpo mole... 

  - Eu te amo - Ofegou Demi nos lábios de Joe. Ele apenas sussurrou "eu te amo" nos lábios dela e beijou-a. 

  - Você é uma linda mulher, Demetria - Joe deslizava as mãos pelas curvas do corpo de Demi, tocava os seios da menina e analisava a conexão que seu corpo tinha ao dela..

  - Joe.. - Ela gemeu de olhos fechados assim que Joe interrompera a conexão e a deitara na cama. 

  - Já volto bebê - Joe beijou as costas da garota e foi ao banheiro do quarto para descartar o preservativo. 

  - Que foi? - Demi perguntou assim que encarou a porta do banheiro e encontrou Joe parado a olhando. 

  - Estou apreciando a vista - Disse ele sorrindo. Demi sorriu e escondeu o rosto entre os travesseiros. - Alias, que bela vista Lovato - Joe sentou-se na cama e levou as mãos até a bunda de Demi e a apertou. Hum.. Ela tinha um corpo deslumbrante. 

  - Nós podemos conversar agora? - Perguntou Demi sorrindo sem graça. 

  - Tudo bem - Joe sorriu e puxou a garota para se deitar ao seu lado. 

  - Joe, o que nós somos? - Era a pergunta que Demi mais queria fazer, pois até agora eles apenas ficaram e nada mais.. Nenhuma conversa, nenhuma decisão.. 

  - Bem - Disse Joe depois de um certo tempo. - Nós estamos juntos - Ele fitou os olhos de Demi e deu um selinho nos lábios da mesma. - Demi, eu te amo e você me ama, não tem porquê de estarmos separados - Joe acariciou o rosto de Demi e roubou um selinho rápido, o que fez a garota sorrir. 

  - Então estamos namorando? - Perguntou ela e Joe assentiu. - E por que você não quer assumir que está comigo? - Joe ficou surpreso com a pergunta de Demi. Será que ela iria entender? 

  - Demi, não é bem assim - Disse Joe meio confuso. Demi afastou-se dele e fitou a encara-lo. 
  
  - O que você quer dizer? - Ela disse um tanto indiferente. Joe podia sentir o nervoso invadi-lo.. Ele não gostava de quando Demi agia daquela forma. Era daquele jeito que eles começavam as mais devastadoras discussões. 

   - Eu só não quero te expor. - Demi parecia está sem reação, ela definitivamente não sabia o que aquilo significava. - Bebê, nesses últimos meses tudo mudou e quando você estava lá.. Muitas coisas aconteceram aqui fora. - Joe olhou no fundo dos olhos de Demi e já percebera que eles começavam a marejar. Oh sua pequena era tão frágil.. 

  - Ei, não chora - Mesmo contra a vontade de Demi, Joe a puxou para seu colo e a abraçou. O coração do rapaz se partiu em mil ao sentir as lagrimas de Demi molhar seu tórax. 

  - Demi, agora está tudo bem. Você está aqui comigo e eu vou cuidar de você - Disse Joe enquanto acariciava as costas da menina. 

  - Eu terminei com você quando descobri o seu segredo não foi por medo ou porque eu não te amava. Quando você ama uma pessoa como eu te amo, você quer vê-la bem de qualquer jeito. Eu abrir mão de te ter em meus braços para que você pudesse ser livre para si amar. Minha mãe sempre me ensinou desde pequeno que nós devemos nos amar em primeiro lugar, mas você não se amava Demi, e eu queria que isso acontecesse para que nós pudesse-nos passar o resto de nossas vidas juntos. - Joe acariciou o rosto de Demi e roçou seus lábios aos dela como se ele dependesse daquele beijo. 

  - Quando nós passamos aquela última noite juntos no set, nós decidimos que seria melhor deixar tudo acontecer naturalmente, mas quando voltamos para Los Angeles algumas coisas mudaram. Você estava saindo com o Wilmer e eu com a Ashley. Era estranho te ver com ele.. Depois nós voltamos e você foi parar em uma clinica de reabilitação - Joe dizia tudo que ele sentia demonstrando sua dor e arrependimento em muitas de suas palavras. Demi precisava saber que ele também tinha se machucado com aquela reviravolta. 

  - Joe, o Wilmer foi um erro.. Eu não deveria ter me envolvido com ele, mas você estava com ela e eu.. - Demi suspirou fundo e parecia que toda a culpa era exclusivamente dela.. Como daquelas vezes que ela se cortava.. Era a mesma culpa, porém em dose dupla.. 

  - Vamos esquecer, é o melhor que nós podemos fazer - Joe beijou o topo da cabeça de Demi e voltou a pensar em tudo que tinha acontecido. - Enfim, não estou dizendo que não quero te namorar publicamente. Quando você estava na clínica muitas coisas aconteceram. O seu rosto estava estampado em todos os noticiários, internet e revistas. As pessoas não paravam de falar sobre você e a reabilitação, logo a Alex conseguiu se fingir de vítima e espalhar boatos sobre drogas e bebidas alcoólicas. Era polêmica atrás de polêmica e a mídia começou a me persegui, eu acabei me afastando da banda e aproveitei esses quatro meses para me dedicar a minha carreira solo e longas horas na academia. -  Joe entrelaçou seus dedos aos de Demi e ficou a olha-la, ela parecia tão serena e pensativa. 

  - O que eu estou querendo dizer é que nós deveríamos nos manter em segredo da mídia. Imagina se todos descobrirem que nós estamos juntos? Eles não vão te deixar em paz. Agora você tem que focar em se manter forte, eu vou estar sempre aqui para cuidar de você. - Joe sentiu Demi selar um beijo em seu peitoral e sorriu, ela tinha entendido.

  - Obrigado - Ela sussurrou com a voz falha - Esses últimos meses foram os mais difíceis da minha vida. Eu fiquei sozinha praticamente o tempo todo tentando entender o que tinha de errado comigo. Eu descobri tantas coisas sobre mim mesma que eu nunca poderia imaginar que existia, logo tudo foi se encaixando.. Eu vou ter que conviver com isso para o resto da minha vida. - Demi aninhou-se no colo de Joe e logo voltou a pensar em tudo que tinha acontecido. Tinha sido tão difícil sem ele, mas saber de tudo aquilo que Joe dissera revivera o ser de Demi.  - Eu estivesse na reabilitação e aprendi da pior forma me amar. Cada dia que passa é complicado, mas eu consigo pensar que tudo vai acabar bem. - 

  - Nós vamos superar tudo juntos - Joe sentiu seus lábios serem roçados pelos dela antes mesmo dele conseguir se mover. Lá estava ela, nua e o beijando.. 

Continua.. Hum.. Eu não curti esse capítulo.. mas ok! E ai? Alguém viu a Demi aqui no Brasil?? Eu estou depressiva por isso a demora para postar.. Eu queria tanto poder abraça-la e dizer ''eu te amo'' :''( 
PS: Obrigado pelos comentários, mais tarde repassarei o selinho e as divulgações, beijos :) 


5 comentários:

  1. Que PERFEITOO ainda bem que eles se entenderam,tava agoniada e ansiosa....
    super curiosa para saber sobre mais,e tão fofo os dois juntos,poderia tanto isso
    tudo ser verdade...agora só falta todos saberem que eles estão juntos kkkkkk´k
    posta logoo viu linda,beijossss <3
    tava tão bom a demi aqui no brasil kkk´k
    mais ainda bem que ela vai vim para aqui
    ano que vem...mal posso esperar...

    ResponderExcluir
  2. Oii gata, poste logo. Ficou perfeito como sempre né, mas tipo, você já pensou em fazer a Demi e o Joe fazerem um anal? Iria ser bem legal e interessante, enfim, uma dica.. Poste logo, beijos.

    ResponderExcluir
  3. luana a mais linda -n16 de outubro de 2013 18:51

    AMIGA SOCORRO QUE FANFIC PERFEITA AUSHAHAS OBRIGADA POR ATENDER MEUS PEDIDOS NO WHATS E TER FEITO O AMOR KKKK parei, ah poste logo ! amo você bjbj <3

    ResponderExcluir
  4. AHHH AMEEII..
    Eles brigam e acabam na cama ra..
    Ameei hot..
    Posta Logo
    Sim, ela vai fazer show ano q vem mal.posso esperar.. Ela tao linda tao perfeita com aquele batom vermelho ah perfeita..
    Posta Logo
    Xoxo

    ResponderExcluir
  5. nossa ta perfeito posta logooh!!!!
    ops:pq o blog ta assim?

    ResponderExcluir